Arquivo | Historia RSS feed for this section

…é um, é dois, é tres, é Ana!!! Viva a Mariana!!! Viva a Mariana!!!!

6 fev

Hoje celebramos o primeiro aniversário da Mariana!!!! Ficamos muito felizes pelo enorme privilégio não só de sermos suas “festeiras oficiais” ( Chá de bebe, lembrancinha de maternidade e agora de 1 aninho!), mas principalmente, por acompanhar de pertinho o primeiro capítulo da sua história.

Como tia e madrinha, vou aproveitar este espaço para deixar registrado minha enorme alegria ao ve-la desfilar  linda, de colo em colo, distribuindo os sorrisos dos seus novos dentinhos e piscadelas dos enormes olhos azuis.

E quando o soninho veio, Mariana lutou bravamente, como se quisesse aproveitar cada minuto da sua festa. Bem no finalzinho, o sono foi mais forte, mais ainda assim, dançava com as mãozinhas, provavelmente, sonhando com os amigos Blue, Jade e toda a turma do filme Rio que animaram a sua festinha….

Como lembrancinha os convidados ganharam um vazinho de biscoito. Para transmitir toda a alegria do filme RIO o cachepot foi forrado de chita e coberto com jujubas coloridas. O biscoito em forma de flor, ganhou um sol bem carioca como miolinho.

Anúncios

Cupcake Cultural

16 mar

Toda vez que vou a NY não resisto em passar em pelo Metropolitan Museum. Sempre tem exposições novas e interessantes (tivemos a sorte de ver a série Jogadores de Cartas de Cézanne), mas confesso que vou mesmo para visitar o acervo permanente. Já que não posso ter em casa, fico feliz em passar alguns minutos olhando as bailarinas do Degas, as luzes do Sr. Monet e as delicadas turbulências de Van Gogh.

Não entendo “patavinas” de arte, mas acho que ninguém precisa ser expert para se sensibilizar diante de tanta beleza. Você escolhe o que toca sua alma e pronto.

Onde entram os cupcakes?! Bem na frente do museu você encontra a Cake&Shake, mais uma deliciosa loja de cupcakes sobre rodas.

Provei o Hot Tottie ( almond cake , butterscotch mousse , toffee frost), parece melado pela descrição, mas é surpreendentemente doce na medida certa!

Não que precise, mas é mais uma desculpa para dar uma passadinha pelo MET…

Planejando a viagem?  Lembre-se o MET fecha as segundas e a Cake&Shake também:

www.metmuseum.org

http://cakeandshakeny.com

Pare! é Cupcake Stop!

12 mar

Pegue um recém formado em direito, adicione um pais em crise, confeite com generosas doses de empreendedorismo e sirva em uma cidade em que comer nas ruas faz parte da cultura. Esta foi a receita que deu origem a Cupcake Stop, uma loja gourmet de Cupcakes sobre rodas.

Quem assiste ao programa Mundo SA já deve ter ouvido falar deles, pois a historinha mercadologicamente atraente roda o mundo em editoriais, mas é através do Twitter e da Internet que os seguidores da Cupcake Stop descobrem a noticia mais esperada: o endereço do dia seguinte!

Muito se engana quem acha que só de mídia se constrói este sucesso, estes Cupcakes são realmente de “parar o transito”.  Comprei uma caixa com quatro unidades (para repartir!) e agradeci a divina providencia por haver dois de Peanut Butter, são realmente incríveis! Devo confessar que são os meus favoritos na cidade!

Então recomendo fortemente: próxima vez em NY, se encontrar um truck da Cupcake Stop, não hesite, pare! E se não encontrar, é só procurar: www.cupcakestop.com

Sweet Serendipity

7 mar

Sabe quando, por acaso, você encontra aquilo que não sabia que estava procurando? Foi assim que encontrei um dos dois endereços do Cupcake Café.
A aconchegante confeitaria do Flatiron, divide espaço com uma livraria infantil que nos faz lembrar a lojinha de Meg Ryan no filme ” Mensagem para você”. Em suas gastas mesinhas pais com filhos, sem filhos e filhos sem pais, se encontram para saborear os delicados Cupcakes, mas não sem antes admira-los longamente.
Pequenas obras de arte em buttercream, aqui os bolinhos são escolhidos mais pela decoração do que pela variedade de sabor, mas não que deixem a desejar neste quesito. O Bohemian, o bolinho de nozes e mapple buttercream é capaz de conquistar até mesmo quem sempre torceu o nariz para a tal cobertura.
Anote: http://www.cupcakecafe-nyc.com

 

Direto da terra do Cupcakes

5 mar

Impossível pensar em Cupcakes em NY e não pensar imediatamente na Magnolia Bakery. Eternizada por Carie Bradshow e suas amigas em Sex in the City, certamente tornou-se o endereço mais procurado por turistas em busca destas delicias açucaradas, mas muito se engana quem acredita que todos os caminhos levam a ela!
Tradicionais, decorados, gigantes ou moderninhos, a cidade que lançou a moda de consumo dos famosos bolinhos pelo mundo, tem muito mais a oferecer.
Nesta semana vocês poderão acompanhar minhas pesquisas na cidade. Não tenho a pretensão de ser uma guia ou critica gastronômica, somente de compartilhar minhas deliciosas descobertas.
Gosta de Cupcakes? Adora NY?! Então vem comigo!

O gato e o bolo!

23 fev

Minha  avó era uma “boleira de mão cheia”! Fazia incríveis bolos de noiva em uma época em que o único recurso de confeitaria disponível era o talento.  Além do próprio, ela teve a sorte de contar também com o talento do meu avô, que nas horas vagas dava forma as assadeiras idealizadas por ela.

Mesmo tendo esta vantagem competitiva de fazer babar o Sr. Michael Porter, nunca cobrou por um bolo! Eles eram dados de presente a noivas, que em muitas vezes, nunca poderiam pagar por eles.

Apesar de tudo, foi com um simples bolo de fubá que minha avó fez sua maior conquista: Charles, o gato!

Preto, selvagem e resoluto a jamais se deixar vestir com o casaco da Barbie, só voltava mais cedo para casa quando havia bolo de fubá. Bastava um descuido e lá estava ele,  se refestelando com o bolo ainda quente.

Da mesa os bolos passaram a esfriar em cima do armário, e do armário foram parar sobre a geladeira,  mas parecia não haver altura suficiente para conter a astucia e gula do felino…

Um dia, chegamos em casa e ouvimos os miados: sobre a máquina de lavar roupas choramingava o gato, olhar vidrado no varal mais alto, que guardava inatingível, o bolo de fubá que esfriava.

 

Hello world!

14 fev

Durante séculos as receitas das nossas avós enchiam a casa com seu perfume de carinho. Era impossível resistir a tentação de sondar a cozinha na esperança de ganhar uma panela de cobertura ainda quente para raspar de colherzinha.

Se comer bolo quente dá realmente dor de barriga, eu não sei, garanto que nunca tive. O que sei, é o tamanho da saudades que tenho desses momentos, das pessoas e claro, das receitas!

E foi desta gostosa nostalgia e do trabalho quase arqueológico de recuperar estes pequenos vestígios da nossa crônica familiar que surgiu a Sugar Gifts.

Neste blog contaremos um pouco desta historia, das novidades que estão saindo forno e das delicias que estão a mesa!

Pegue um cafezinho para acompanhar e venha saborear conosco!